Você está aqui: Página Inicial / Imprensa / Notícias / Presidente recebe demandas da APAE

Presidente recebe demandas da APAE

por Cristina Imprensa publicado 15/07/2021 16h49, última modificação 15/07/2021 16h49
Associação busca parcerias com órgãos da administração pública e a comunidade, visando a garantia da qualidade dos atendimentos aos alunos e pacientes

O Presidente do Legislativo Municipal, Vereador João Napoleão, recebeu nesta quinta-feira, 15 de julho, a Presidente da APAE de Guarapuava, Marcia Cristina Faria Nagase, para tratar sobre os trabalhos realizados pela Associação e a parceria com a Câmara Municipal, que deverá repassar recursos para a entidade.

De acordo com Marcia, o estabelecimento de ensino está precisando de ajuda financeira para o serviço de Equoterapia e solicita ao Legislativo a quantia de R$ 300 mil. “Precisamos manter as instalações físicas e os cavalos treinados, além da equipe que inclui profissional de equitação, fisioterapeutas, psicólogos, fonoaudiólogos, terapeuta ocupacional, enfermeiro, médico auxiliar-guia, serviços gerais e secretário. Por isso buscamos parcerias com órgãos da administração pública e a comunidade, visando sempre a garantia da qualidade dos atendimentos aos nossos pacientes”, explicou.

São realizados em média 4.200 atendimentos mensais a mais de 500 pessoas, e é importante ressaltar que o serviço é aberto a toda a comunidade, não atendendo apenas alunos da APAE.

O Presidente destacou a pronta disposição do Legislativo em contribuir com a causa, e falou sobre a importância dos serviços prestados pela Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais. “A Câmara é parceira certa da APAE e muito nos honra poder ajudar a entidade que tem grande credibilidade. A APAE presta serviços na área da educação e da saúde de extrema importância para a nossa sociedade, garantindo os direitos, a inclusão e sobretudo o bem-estar dos nossos irmãos especiais”, disse João Napoleão.

Equoterapia

A equoterapia é um método terapêutico que utiliza o cavalo dentro de uma abordagem interdisciplinar nas áreas da saúde com pessoas com deficiência intelectual e transtornos globais do desenvolvimento. É utilizada como meio de reabilitação física, ensino-aprendizagem e inserção social.